O CODD - Centro de Estudos e Promoção de Cidadania, Direitos Humanos e Meio Ambiente, é uma organização moçambicana sem fins lucrativos que tem como objectivo promover, através da pesquisa, formação e implementação de projectos sociais, a Cidadania, os Direitos Humanos e o Meio Ambiente em Moçambique.

 

O CODD dá um enfoque particular à promoção do acesso à informação, considerando que o direito à informação é a pedra angular de todos os outros direitos humanos e indissociável do pleno exercício da cidadania e consolidação da democracia.

O CODD foi concebido em 2009, no entanto a sua legalização só ocorreu em 2011, com o despacho do Ministério da Justiça de 25 de Maio do mesmo ano, em consonância com o disposto no n°. 1, do artigo 5 da Lei n°. 8/91, de 18 de Julho e do artigo 1º do Decreto n°. 21/91 de 3 de Outubro, que consta do Boletim da República III Série, Número 42, de 19 de Outubro de 2011.

 

  • A nossa Visão

    O CODD visiona um Moçambique onde as pessoas têm acesso à informação que lhes permite gerar conhecimento, exercer cidadania informada e gozar plenamente de outros Direitos Humanos fundamentais.

  • A nossa Missão

    A Missão do CODD é contribuir para a promoção da Cidadania, dos Direitos Humanos e do Meio Ambiente em Moçambique, através da realização de pesquisas e implementação de projectos sociais.

 

Nossos Valores

1. Ética de responsabilidade pública, entendida como o compromisso e a observância dos deveres de responsabilidade cívica, imparcialidade e isenção, honestidade e integridade na realização das suas actividades;

2. Profissionalismo, entendido como actuação com proactividade, dinamismo, competência, motivação, compromisso e confidencialidade;

3. Qualidade, o que pressupõe competência e profissionalismo na execução das actividades dos Núcleos Operacionais da Associação;

4. Transparência, entendida como uma postura de abertura, diálogo e comunicação constante com a sociedade;

5. Efectividade, entendida como actuação com postura orientada para resultados de forma a assegurar o cumprimento da missão institucional;

6. Inovação, entendida com actuação de forma inovadora e criativa, suportada pela capacidade de adaptação e de realização, buscando sempre o processo contínuo de melhoria.